Artigos relacionados

Na montra

capa-Forais-Leiria.jpg

Numa iniciativa promovida pela Santa Casa da Misericórdia de Porto de Mós, foi lançado no dia 8 de Dezembro de 2016, na igreja de S. Pedro de Porto de Mós, o aparatoso livro “A Santa Casa da Misericórdia de Porto de Mós – 500 Anos de história”, de Saul António Gomes e Kevin Carreira Soares. Edição daquela Santa Casa, o livro, como miolo a cores, tem 256 páginas e foi produzido pela Textiverso.

Na mesa de apresentação estiveram: o Provedor da Misericórdia, Dr. Paulo Carreira, o Pároco de Porto de Mós, Padre José Alves, o Vice-presidente da Câmara Municipal de Porto de Mós, Dr. Albino Januário, o editor, Eng. Carlos Fernandes, e o autores, Prof. Doutor Saul António Gomes e Mestre Kevin Carreira Soares.

Antes da apresentação propriamente dita, um duo de cantores líricos, os contratenores Luís Peças e João Paulo Ferreira, interpretou alguns temas que surpreenderam a plateia. Logo de seguida, o Padre José Alves deu as boas-vindas aos presentes e saudou a Misericórdia pelos seus 500 anos e pelo livro evocativo, após o que os autores falaram do precioso trabalho agora editado.

 

O Padre José Alves congratulou-se por a igreja ter literalmente enchido para assistir à apresentação de mais um marco histórico da Santa Casa da Misericórdia de Porto de Mós que assinala uma actividade de importância inquestionável ao longo dos últimos 500 anos, pondo em prática as obras de misericórdia veiculadas pelo Evangelho.

O Mestre Kevin Carreira Soares, jovem estudioso portomosense e autor da 2.ª parte do livro (meados do século XIX até à actualidade), manifestou a sua satisfação por ter podido dar o seu contributo a uma obra tão importante para a sua terra e testemunhou a importância que a investigação feita teve no seu processo de aprendizado de uma instituição com esta longevidade. Deu ainda informações relativas a uma exposição sobre a Misericórdia que estava patente numa galeria anexa à igreja.

Depois, o coordenador científico do livro e co-autor, Professor Saul Gomes, dissertou sobre o livro e sobre a história que ele conta da Misericórdia de Porto de Mós, salientando a importância desta edição que, segundo ele, será a primeira sobre uma Misericórdia da Diocese de Leiria. Aproveitou para louvar os actuais responsáveis da instituição pela coragem que tiveram de promover a edição deste marco da sua história que plasma, para os vindouros, a notícia das realizações e o espírito generoso de quantos, ao longo destes 500 anos, deram o seu melhor em prol da comunidade portomosense.

Também o Provedor da Misericórdia, Dr. Paulo Carreira, e o Vice-presidente da Câmara Municipal de Porto de Mós, Dr. Albino Januário, se pronunciaram sobre o significado deste livro, congratulando-se por ter sido possível mostrar aos presentes e legar aos vindouros um trabalho que a todos enobrece.

No final, o duo de cantores líricos Luís Peças e João Paulo Ferreira voltou a interpretar alguns temas, convidando o público a acompanhá-los, terminando a sessão em verdadeira apoteose.