Artigos relacionados

Na montra

viveiros.jpg
invasoes001

Quando Leiria foi incendiada pelos franceses, há 200 anos, em 5 de Março de 1811, não havia praticamente naturais para registar o evento. E os que vieram depois tinham outras preocupações bem mais prioritárias do que registar essa catástrofe para a posteridade. O tempo passou e pôs-se uma pedra sobre o assunto. A cidade, volvidos 200 anos, desconhecia em absoluto este dramático acontecimento. Essa a razão por que, à maneira do que já fizera para evocar o massacre da Portela, a 5 de Junho de 1808, Carlos Fernandes decidiu reunir num único volume os relatos possíveis, praticamente todos a posteriori, sobre a destruição de Leiria, na retirada dos franceses, depois da 3.ª invasão.
Desse trabalho meticuloso resultou o livro “Invasões Francesas – Leiria, 5 de Março de 1811: O incêndio da cidade – 200 anos”, com organização, selecção de textos e notas introdutórias de Carlos Fernandes e tradução de alguns textos (franceses e ingleses) de Maria Cecília Basílio. É um livro com 240 páginas, n.º 13 da colecção “Tempos e Vidas” da editora Textiverso.
O lançamento foi feito justamente 200 anos depois, no dia 5 de Março de 2011, no salão nobre da Câmara Municipal de Leiria e em presença do respectivo Presidente, Dr. Raul Castro. Na apresentação esteve o Eng. Ricardo Charters d’Azevedo que, aliás, foi um dos angariadores de materiais para este livro.

actas_torga01

No âmbito da celebração do Dia de Miguel Torga em Leiria, foi apresentado no dia 5 de Fevereiro de 2011, no auditório do Turismo, em Leiria, o livro “II Colóquio sobre Miguel Torga em Leiria – Actas”, tarefa que coube a Carlos Fernandes, membro da Comissão organizadora em parceria com Albertina Ramos, Carlos Alberto Silva, David Catarino, Francisco Carapinha e Laura Esperança. Com o apresentador estiveram na mesa Laura Esperança (Presidente da Junta de Freguesia de Leiria) e Lurdes Machado (Vereadora e representante da Câmara Municipal de Leiria).

A mesa, durante a apresentação

Numa edição do mensário “Jornal das Cortes”, foi apresentado no auditório da Casa-Museu João Soares, nas Cortes (Leiria), no dia 22 de Janeiro de 2011, o novo livro de Alda Sales Machado Gonçalves que tem por título "Sua Excelência a Moda". Tem 80 páginas e figura com o n.º 12 na colecção “Tempos e Vidas” da editora Textiverso.
A apresentação esteve a cargo da Dra. Isabel Aragão. Na mesa, para além da autora e da apresentadora, estiveram Rui Pessoa, Director do jornal, Carlos Fernandes, Chefe de Redacção e representante da editora, e ainda Natália Mota, em representação da Casa Museu.

Aspecto da sessão
A Sociedade da Língua Portuguesa (SLP) promoveu em Lisboa, no Hotel Açores-Lisboa, uma sessão que teve por tema "À mesa com Carlos Lopes Pires". Foi no dia 21 de Janeiro de 2011 e constou de um jantar, seguido da apresentação do escritor e poeta leiriense, em particular do seu último livro, e da audição de poemas da sua autoria.
Foi, aliás, a poesia de Carlos Lopes Pires que esteve em destaque, muito especialmente o livro “Te quiero”, quarto volume da colecção “Poesia”, da Textiverso. O novo volume tem 80 páginas, constituindo o segundo do autor nesta colecção.

O autor animou várias histórias

«O urso que perdera o coração» foi apresentado no dia 17 de Dezembro, na biblioteca da sede do Agrupamento de Escolas de Mira de Aire, pelo autor, Carlos Alberto Silva. Depois de uma breve conversa com os alunos do 1º CEB presentes, sobre a sua actividade como escritor e professor bibliotecário, o autor animou a história, bem como outras destinadas ao público infantil, como «O Cuquedo» e «O Pequeno Pai Natal». No final, houve lugar a uma sessão de autógrafos, já que a actividade se inseriu numa feira do livro promovida por aquele Agrupamento de Escolas.

Dada a proximidade do período natalício, a obra teve muito boa receptividade, sendo escolhida como prenda de Natal por algumas freguesias dos concelhos de Leiria, onde o autor reside, e de Porto de Mós, onde trabalha. Assim, as crianças das freguesias de Cortes (Leiria), Arrimal, S. Pedro e S. João Baptista (Porto de Mós), entre outras, tiveram a surpresa de receber este livro nas festas de Natal das suas escolas.

 vamos_fora001

O Colégio do Bom Sucesso, em Belém (Lisboa), foi o local escolhido para a apresentação do livro “Vamos lá fora ser?”, de Rita Basílio e Cristina Salvador, com ilustrações de Carmo Van Damme. Foi no dia 7 de Dezembro de 2010 e contou com a presença da Directora Pedagógica do Colégio, Dra. Ana Cristrina Mariz Fernandes. A apresentação foi feita pelo Professor Gustavo Rubim, que manteve uma conversa coloquial com a plateia, essencialmente composta por alunos, mas também por alguns pais e professores. Também as autoras, Cristina Salvador e Rita Basílio (em primeiro plano na foto), estabeleceram com a plateia um diálogo muito frutuoso, explicando a forma como surgiu a ideia do livro e, em parceria, ele se foi construindo.

juntos001

Com ao auditório repleto, foi lançado no Hospital de Santo André (HSA), de Leiria, no dia 4 de Dezembro de 2010, o livro “Juntos no Desafio – Guia para a promoção de competências parentais”, da autoria de três psicólogos leirienses: Paulo José Costa, Susana Heleno e Carla Pinhal. Presentes na mesa, para além dos autores, o Dr. Bilhota Xavier, Director Clínico dos Serviços Pediátricos do HSA, a Dra. Arlete Crisóstomo, ex-responsável pela Consulta do Desenvolvi-mento, e Carlos Fernandes, representante da editora. Na plateia viam-se outros responsáveis e clínicos, designadamente o Dr. Hélder Roque, Presidente do Conselho Administrativo do HSA, e João Teodósio, Presidente da APPDA de Leiria, para além de pais de crianças e adolescentes que são acompanhados pelos autores, assim como profissionais desta área, a quem o autor deixou o desafio para testarem e avaliarem a metodologia, refutarem as suas propostas e apresentarem outras sugestões.

Aspecto geral da mesa
No dia 21 de Novembro de 2010, foi apresentado no salão paroquial da Barreira (Leiria) o novo livro de Júlia Moniz, "Adeus até à eternidade", edição da autora, com produção da editora Textiverso, de Leiria. É um volume com 174 páginas.

A apresentação esteve a cargo do investigador leiriense Jacinto de Sousa Gil, e a acompanhar a autora na mesa, durante a sessão, estiveram também o Presidente da Câmara de Leiria, Raul Castro, o Presidente da Junta de Freguesia da Barreira, José Cunha, o Pároco da Barreira, P. Rui Ribeiro, e o Dr. Tomás de Oliveira Dias, apresentador de outras obras de Júlia Moniz. Foi o representante da editora, Carlos Fernandes, que orientou a sessão.

Ver ficha do livro AQUI.

Vilar_001

No dia 17 de Julho de 2010 foi apresentado em Lisboa, na Casa da Comarca da Sertã, o livro "Vilar dos Condes, a terra e a sua gente", da autoria de Alda Barata Salgueiro. Pertencendo Vilar dos Condes à freguesia da Madeirã, do concelho de Oleiros, o local de apresentação em Lisboa foi o mais indicado, uma vez que a Casa da Comarca da Sertã abarca os quatro concelhos de Vila de Rei, Proença-a-Nova, Sertã e Oleiros. Na mesa estiveram, para além da autora, Dra. Alda Barata Salgueiro, o Presidente da Direcção da Casa da Comarca da Sertã, Eng. Pedro Amaro, e o egiptólogo e prefaciador do livro, o Prof. Doutor Luís Manuel de Araújo, da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa. À sessão estiveram presentes cerca de meia centena de pessoas.

 

not_couseiro01
Esta é a pergunta que muito investigador faz quando, por necessidade de investigação ou por curiosidade, folheia as edições impressas daquele importante livro sobre a história do bispado de Leiria, escrito verosimilmente na primeira metade do século XVII, parte durante o domínio filipino, parte já depois da Restauração, mas editado somente a partir de 1868.
A ela tentou responder um investigador das coisas de Leiria, o Eng. Ricardo Charters d'Azevedo, no ensaio que designou "Quem escreveu O Couseiro?" e que apresentou ao público no dia 5 de Junho de 2010, na Biblioteca Municipal Afonso Lopes Vieira, em Leiria, numa edição da Textiverso, n.º 11 da sua colecção "Tempos & Vidas".