• Visualizações de artigos 2004095

Temos 157 visitantes e 0 membros em linha

 

Travaços Santos 2024Decorreu a 6 de julho, nas instalações do Rancho Folclórico do Freixial, a apresentação do livro Etnografia Leiriense na obra de José Travaços Santos. Dividido em duas partes: uma, referente aos aspetos etnográficos e folclóricos do distrito; a outra, exclusivamente dedicada à Batalha, terra natal do investigador. Contém, ainda, uma nota introdutória, de André Camponês, onde são aduzidas considerações de natureza biobibliográfica, e um prefácio, de Adélio Amaro, Presidente do Centro de Património da Estremadura. O manuscrito é composto por 134 páginas, que incluem fotografias que percorrem e aludem a diferentes fases da vida pessoal e profissional de José Travaços Santos, figura incontornável das letras estremenhas. De acordo com o coordenador da publicação, o antropólogo André Camponês, «este trabalho é uma forma de reconhecer e celebrar o compromisso de José Travaços Santos para com a salvaguarda e promoção do património imaterial e um contributo para a compreensão e valorização das tradições locais que singularizam a identidade cultural da região”.

Na sessão de lançamento, fizeram uso da palavra a Vice-Presidente da Câmara Municipal de Leiria, Anabela Graça, Sílvia Santos, em representação da Junta de Freguesia do Arrabal, Adélio Amaro e André Camponês.

Com a chancela da editora Textiverso, em parceria institucional com o Rancho Folclórico do Freixial e o Museu Etnográfico do Freixial, a obra integra a linha editorial «Textos e Contextos da Etnografia Leiriense» do projeto «(I)materialidades: etnografia e património», com a coordenação científica de André Camponês. (Consultar aqui.

 

site 2site