Artigos relacionados

Na montra

capa-peq_hera.jpg

report cadernos3 01

O 3.º volume dos Cadernos de Estudos Leirienses foi lançado no dia 6 de Dezembro de 2014 na Biblioteca Municipal da Nazaré, com apresentação a cargo do Professor Saul António Gomes e do Mestre Carlos Fidalgo, com uma plateia de dimensão assinalável a assistir. Este volume tem 432 páginas e trabalhos de 23 investigadores do Distrito de Leiria.
Na mesa estiveram ainda o editor, Eng. Carlos Fernandes, e o Vice-Presidente da Câmara Municipal da Nazaré e Vereador do Pelouro da Cultura, Dr. Manuel Sequeira.
Conforme escrevera na introdução a este volume, o Professor Saul Gomes reiterou que os Cadernos «têm vindo a concitar uma crescente adesão por parte de investigadores regionalistas e também por parte dos seus públicos», acrescentando que o número de páginas impressas do 3.º volume «é revelador da potencialidade científica de Leiria e da sua região enquanto espaço e sujeito de estudo no domínio das ciências sociais e humanas».

vend sapatos01

Amigos, conhecidos e interessados curiosos participaram, no dia 19 de Outubro de 2014, na sessão de lançamento do livro “Vendedor de Sapatos”, da autoria de Nídia Nair, que concebeu não só o texto mas igualmente as ilustrações. É um livrinho de 24 páginas, a cores, produzido pela Textiverso, que tem como alvo o público infanto-juvenil. A apresentação, que esteve a cargo da professora Helena Espírito Santo, decorreu na galeria da Fundação Caixa Agrícola de Leiria (ao Terreiro) e contou ainda com uma graciosa coregrafia da responsabilidade da bielo-russa Inesa Markava.

lilia rep01

José Capote Gonçalves volta a assinar um livro da sua autoria, o terceiro, desta vez uma ficção com o título “Lília”. Trata-se de um romance com 240 páginas, produzido pela Textiverso, cujo lançamento foi feito em Cascais, no dia 11 de Outubro de 2014, na Estalagem Senhora da Guia, à Estrada do Guincho. O livro contempla um pequeno álbum de fotografias que ilustram a capeia arraiana, típica da região de onde o autor é oriundo.
Na sessão de apresentação, para além de José Capote e do representante da Textiverso, Carlos Fernandes, estiveram a Doutora Maria Máxima Vaz, historiadora natural do concelho do Sabugal, e Patrícia Müller, escritora e guionista.

cadernos 2 reportagem

Fazendo jus ao desígnio da descentralização, o lançamento do 2.º volume dos “Cadernos de Estudos Leirienses” decorreu no Café Concerto do Teatro Cine de Pombal, na tarde do passado dia 20 de Setembro de 2014, com apresentação do Prof. Doutor Saul António Gomes e do Dr. Nelson Pedrosa. Este 2.º volume tem 262 páginas (o 1.º tinha 224) e é uma edição da Textiverso, de Leiria, com o apoio do Eng. Ricardo Charters d’Azevedo e a colaboração de cerca de duas dezenas de investigadores.

A sessão, inicialmente prevista para o castelo de Pombal, teve de ser transferida para o Teatro Cine devido à chuva abundante que se fez sentir na ocasião. Para além dos apresentadores, estiveram ainda na mesa o Presidente da Câmara de Pombal, Dr. Luís Diogo Mateus, e o representante da Textiverso, Eng. Carlos Fernandes.

report cumplicidade01

Paulo José Costa voltou, mas voltou acompanhado. Desta vez trouxe consigo Sara Fabião, agora fotógrafa, na boa senda da ascendência familiar. O resultado foi um livro singular que dá pelo nome de “Vizinhança de Olhares” onde a poesia e a fotografia andam de braço dado e, na euforia do baile, transvasou para uma exposição no m|i|mo – museu da imagem em movimento onde estará até 27 de Julho. O livro tem 96 páginas, é uma edição do autor com produção da Textiverso, de Leiria, e foi apresentado no m|i|mo a 7 de Junho de 2014 pelo escritor Paulo Kellerman.

report cadernos 01

A cidade de Leiria e o dia da cidade, 22 de Maio, foram escolhidos para o lançamento do 1.º volume dos “Cadernos de Estudos Leirienses”, uma iniciativa e edição da editora Textiverso, de Leiria, que marca indiscutivelmente a actividade editorial da região. Este primeiro volume, de vários que se projectam, tem 224 páginas e insere 15 estudos dos mais diversos autores e sobre as mais diversas matérias do Distrito de Leiria.

Os “Cadernos” têm como objectivo fundamental proporcionar aos numerosos investigadores um veículo essencial para a divulgação dos seus trabalhos que tenham como pano de fundo a região alargada do Distrito de Leiria e territórios limítrofes com afinidades, como é o caso concreto de Ourém. A sua função será a de fixar elementos essenciais para a compreensão do território definido, com textos de síntese, mas suficientemente desenvolvidos e fundamentados para colherem junto dos potenciais leitores a confiança e o esclarecimento que estas matérias requerem. Os “Cadernos de Estudos Leirienses” terão uma publicação que se prevê regular e função dos materiais disponíveis.

report papoilas01

A Casa-Museu João Soares, nas Cortes (arredores de Leiria), voltou a ser o cenário escolhido por Carlos Lopes Pires para o lançamento de mais um livro seu, desta vez “Guarda-me contigo entre as papoilas”, o que aconteceu no passado dia 17 de Maio. Trata-se de um livro de poesia e o 24.º título de carácter literário do autor, que é psicólogo em Leiria e professor da Universidade de Coimbra. Tem 90 páginas e é uma edição da editora Textiverso, de Leiria.

A apresentação esteve a cargo da Professora Cristina Nobre que, mais do que falar do novo livro, fez a ponte entre as primeiras produções, em particular “O livro de pó” (ed. autor, 1994) e esta que agora veio a lume. E constatou que Carlos Pires pode ter evoluído na escrita e na profundidade das abordagens, mas nunca abandonou os seus temas preferenciais.

jorn lra igg 01

Com grande sentido de oportunidade, Joaquim Santos promoveu, no passado dia 5 de Abril, o lançamento do seu último livro, “O Jornalismo Leiriense e a Grande Guerra (1914-1918)”, 11.º título da sua produção. É um livro de 208 páginas em formato A4, de capa cartonada, produzido pela editora Textiverso, de Leiria, com o n.º 25 da colecção “Tempos & Vidas”.

A sessão de lançamento foi no RAL4 – Regimento de Artilharia n.º 4 – Leiria, durante as cerimónias de evocação da batalha de La Lys, que decorreram na Batalha e em Leiria, organizadas pelo Núcleo de Leiria da Liga dos Combatentes. Na apresentação estiveram, entre outros: o Chefe de Estado-maior do Exército, General Carlos Jerónimo; o General Chanceler das Antigas Ordens Militares, Rocha Vieira; o Comandante do Comando de Instrução e Doutrina, General Rovisco Duarte; o Comandante da Brigada de Reacção Rápida, Major General Fernando Serafino; o Presidente da Liga dos Combatentes, Tenente-general Chito Rodrigues; o Comandante do Regimento Artilharia 4, Coronel Dias Henriques; o Presidente da Câmara Municipal de Leiria, Raul Castro; o Comandante da GNR de Leiria, Coronel José Luís Lomelino; e o Presidente do Núcleo de Leiria da Liga dos Combatentes, Tenente-coronel Ley Garcia, este último encarregado da apresentação do livro, cujo teor foi tese de Mestrado do autor em Comunicação e Jornalismo.

apresenta leo01
Em estreia absoluta, foi apresentado em Leiria, no passado dia 14 de Fevereiro, Dia de S. Valentim e dos Namorados, o livro “LEO e a Nova Geração” da autoria de uma nova escritora, R[osinda] S. Arrimar, da Marinha Grande. Com 272 páginas, este livro tem como público-alvo os jovens adolescentes e pré-adolescentes e foi uma produção da editora Textiverso, de Leiria. A ilustração da capa é da filha da escritora, a jovem Neuza Duarte.
O lançamento foi na Escola D. Dinis e a apresentação esteve a cargo da Prof. Doutora Cristina Nobre (ver o texto na secção Apresentações), antecedida de uma sessão de artes marciais, por um grupo de Tai Chi e Kung Fu, que criou o clima necessário à concentração do público, presente em número razoável.

A Textiverso deseja-lhe Boas Festas!

.

ruipessoa not01
Director do “Jornal das Cortes” desde Agosto de 1994 até Dezembro de 2013, Rui Sá Pessoa despediu-se das lides jornalísticas e administrativas do periódico no passado dia 14 de Dezembro de 2013, numa sessão em que foi apresentado um livro da sua autoria, nas instalações da Casa-Museu João Soares, nas Cortes (Leiria). Tem por título “Reflexões de cidadania – Prosa e poesia”. Editado pelo jornal e produzido pela editora Textiverso, de Leiria, o livro tem 208 páginas e insere numerosos escritos em prosa e poesia publicados no mensário e ainda muitos inéditos em poesia.